Preencha os campos corretamente
Digite corretamente o CPF
Digite corretamente o CNPJ
Digite corretamente
Digite corretamente
Digite corretamente
Digite o DDD
Digite corretamente o telefone
Digite corretamente o e-mail
Estado
Cidade
Seu nome
Nome do amigo
E-mail amigo
UNITAU de A a Z
VOCÊ ESTÁ EM: Pós-graduação / Humanas / Direitos e diversidades: mediação de conflitos para uma Cultura de Paz - NOVO
Direitos e diversidades: mediação de conflitos para uma Cultura de Paz - NOVO
DEPARTAMENTO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO

+ INFORMAÇÕES

Horário das aulas: sábados, das 9h às 15h + 2 atividades práticas/vivências

Número de vagas: 15/30

Investimento: 1 + 14 parcelas de R$390,00

Início das aulas: 2º semestre de 2019

Carga horária: 360h

O curso Direitos e diversidades: mediação de conflitos para uma Cultura de Paz apresenta alguns conceitos essenciais para o estudo da diversidade e da cultura de paz: cultura, diversidade cultural, etnocentrismo, estereótipo, preconceito, discriminação, respeito e valorização da diversidade, entre outros. Esses conceitos fornecem o instrumental analítico básico para abordar as temáticas de inclusão, gênero, sexualidade e relações étnico-raciais em escolas e instituições públicas. Mais especificamente, pretendemos: ampliar o olhar sobre a riqueza da diversidade cultural refletir o quanto a diferença e a diversidade podem servir para distinguir os grupos sociais, para separar, para discriminar ou segrega.

Acima de tudo, esperamos que o egresso possa incorporar em seu fazer profissional cotidiano subsídios práticos concretos trabalhados no curso para a construção de percursos de promoção da igualdade em seus ambientes de trabalho e que possam ser mediadores de conflitos e difusores de uma cultura de paz.

Para tanto, proporcionar conceitos e vivências de comunicação não-violenta, práticas restaurativas e mediação de conflitos com o propósito de aportar ferramentas para a prevenção e gestão de conflitos nas escolas e outras instituições, que são ambientes de excelência para gestar novos valores e promover uma nova cultura - a cultura da paz. O curso também abordará técnicas de negociação e outras ferramentas correlatas ao manejo dos conflitos, que, a partir de uma visão prospectiva (tendo como foco a melhoria das relações), busca trabalhar as diferenças com a inclusão da visão, necessidades e valores do outro. Tais práticas serão aplicadas com base na Resolução 225/2016, do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) que dispõe sobre a Política Nacional de Justiça Restaurativa.

Objetivos

O objetivo fundamental do curso é formar especialistas oriundos de diversas áreas do conhecimento para o exercício da docência no Ensino Superior.

Especificamente, a Especialização em Direitos e diversidades: mediação de conflitos para uma Cultura de Paz busca:
- Capacitar profissionais para a elaboração e operacionalização das políticas sociais de promoção da igualdade na diversidade, na perspectiva dos direitos humanos.
- Discutir a construção de estratégias para mediação de conflitos e para o desenvolvimento de uma cultura de paz.
- Refletir sobre os principais conflitos enfrentados com relação as questão de raça, gênero e sexualidade, no contexto contemporâneo;
- Construir instrumentos e estratégias interventivas para o enfrentamento dessas questões e defesa dos direitos humanos.
- Refletir acerca dos principais desafios dos formadores/mediadores na contemporaneidade
- Promover atividades práticas de capacitação e nas diversas áreas que compõem as preocupações do curso


A quem o curso se destina

O curso está orientado a profissionais como professores, psicólogos, assistentes sociais, gestores públicos, advogados, interessados no desenvolvimento de conhecimentos e práticas de mediação de conflitos para uma Cultura de Paz.

Coordenação:
Profa. Dra. Suzana Lopes Salgado Ribeiro

Link Curto