Ex-aluno dirige Ciesp de São José dos Campos

20/10/2014

Formado em Engenharia Mecânica pela Universidade de Taubaté (UNITAU) em 1983, Almir Fernandes é diretor administrativo e comercial da Iso-Metro Comercial Ltda., empresa que fundou, em 1992, para prestar serviços de metrologia industrial, e também dirige o Ciesp (Centro das Indústrias do Estado de São Paulo) de São José dos Campos. Com 32 anos de carreira, Almir ingressou no mercado de trabalho em agosto de 1982, ainda estudante de engenharia, como estagiário no Departamento de Engenharia da Qualidade da Eaton, uma multinacional americana do ramo de autopeças, onde foi efetivado assim que se formou na UNITAU. "Durante o período em que permaneci na Eaton, passei por vários cargos. Iniciei como estagiário, fui efetivado como engenheiro da qualidade, depois promovido para supervisor de engenharia da qualidade, depois chefe de departamento da qualidade, até chegar à função de gerente da qualidade", destaca o profissional. Após dez anos de mercado, o engenheiro abriu a própria empresa. "Toda a experiência adquirida na administração do sistema da qualidade, além do fato de eu ter me tornando um especialista nas normas ISO 9000, me capacitou a montar uma empresa de serviços para atender as indústrias no quesito mais difícil da ISO 9001, que trata do sistema metrológico utilizado pelas empresas", explica Fernandes. Para Almir, a formação como engenheiro pela UNITAU, somada ao período de estágio, foi de suma importância para seu aprendizado e crescimento profissional. O engenheiro também fez diversos cursos nacionais e internacionais na área da qualidade, além de duas pós-graduações. "A educação é muito importante para o crescimento profissional. A cada ano, o mercado fica mais exigente e muito mais concorrido. Para ter sucesso, é preciso ir além da faculdade. Até hoje, continuo fazendo cursos e me atualizando sempre que possível", ressalta o engenheiro.  Ao contar do período como estudante, Almir destaca as amizades, as aulas e os professores inesquecíveis. "Tenho vários amigos que conheci na faculdade. O que não consigo esquecer é das festinhas nas repúblicas, dos jogos de futebol de uma turma contra a outra e das rodadas de violão após as aulas", relembra o profissional.  "Os anos que passamos na Universidade são uma história a parte em nossa vida. Todos que tiverem essa oportunidade jamais se esquecerão desses momentos", finaliza.  Ariane CaldasACOM/UNITAU

Formado em Engenharia Mecânica pela Universidade de Taubaté (UNITAU) em 1983, Almir Fernandes é diretor administrativo e comercial da Iso-Metro Comercial Ltda., empresa que fundou, em 1992, para prestar serviços de metrologia industrial, e também dirige o Ciesp (Centro das Indústrias do Estado de São Paulo) de São José dos Campos.

Com 32 anos de carreira, Almir ingressou no mercado de trabalho em agosto de 1982, ainda estudante de engenharia, como estagiário no Departamento de Engenharia da Qualidade da Eaton, uma multinacional americana do ramo de autopeças, onde foi efetivado assim que se formou na UNITAU.

“Durante o período em que permaneci na Eaton, passei por vários cargos. Iniciei como estagiário, fui efetivado como engenheiro da qualidade, depois promovido para supervisor de engenharia da qualidade, depois chefe de departamento da qualidade, até chegar à função de gerente da qualidade”, destaca o profissional.

Após dez anos de mercado, o engenheiro abriu a própria empresa. “Toda a experiência adquirida na administração do sistema da qualidade, além do fato de eu ter me tornando um especialista nas normas ISO 9000, me capacitou a montar uma empresa de serviços para atender as indústrias no quesito mais difícil da ISO 9001, que trata do sistema metrológico utilizado pelas empresas”, explica Fernandes.

Para Almir, a formação como engenheiro pela UNITAU, somada ao período de estágio, foi de suma importância para seu aprendizado e crescimento profissional. O engenheiro também fez diversos cursos nacionais e internacionais na área da qualidade, além de duas pós-graduações. “A educação é muito importante para o crescimento profissional. A cada ano, o mercado fica mais exigente e muito mais concorrido. Para ter sucesso, é preciso ir além da faculdade. Até hoje, continuo fazendo cursos e me atualizando sempre que possível”, ressalta o engenheiro. 

Ao contar do período como estudante, Almir destaca as amizades, as aulas e os professores inesquecíveis. ”Tenho vários amigos que conheci na faculdade. O que não consigo esquecer é das festinhas nas repúblicas, dos jogos de futebol de uma turma contra a outra e das rodadas de violão após as aulas”, relembra o profissional.

 “Os anos que passamos na Universidade são uma história a parte em nossa vida. Todos que tiverem essa oportunidade jamais se esquecerão desses momentos”, finaliza. 

Ariane Caldas
ACOM/UNITAU