Central de Estágio

Parte integrante da formação e desenvolvimento profissional nas diferentes áreas, o estágio representa um conjunto de atividades práticas que o estudante desenvolve na comunidade, nas instituições e nas empresas. Essas atividades guardam relação com a sua área de formação e são desenvolvidas sob a responsabilidade e acompanhamento da instituição formadora.

O estágio é um poderoso articulador da relação teoria-prática na formação dos alunos, age como fonte de produção de conhecimento, possibilita o desenvolvimento crítico de importantes habilidades e competências, promovendo a capacitação profissional, atualmente exigida para a inserção no mercado de trabalho.

Há duas modalidades de estágio:
Estágio curricular obrigatório*              
Estágio curricular não-obrigatório **

*Disciplina vinculada à grade curricular do curso, no qual o estudante desenvolve atividades correspondentes a sua linha de formação e indispensável para obtenção do diploma.

**Realizado por livre escolha e atendendo ao interesse do aluno, como forma de enriquecimento curricular em sua futura área de atuação.

As atividades de estágio, bem como a elaboração do relatório, são orientadas, supervisionadas e avaliadas por um professor orientador. O estagiário também deverá receber orientação de um profissional especialmente designado, no campo de estágio.

Horário: Segunda a sexta-feira: das 8h às 19h. 
Endereço: Rua Barão da Pedra Negra, 162, Centro, Taubaté –SP.
Contato:
(12) 3625-4204/ (12) 3625- 4202        
E-mail:
central_estagios@unitau.br/ centralestagios.unitau@gmail.com 

A Central de Estágios é um modelo de assistência ao estudante que visa organizar ações com o propósito de integrá-lo ao estágio em sua respectiva área do ensino médio e graduação, de forma articulada, criando um compromisso de responsabilidade compartilhado entre Universidade, estudante e Empresas públicas e privadas.

Como objetivo principal, visa desenvolver ações para promoção do estágio curricular obrigatório e não obrigatório, atuando sobre a demanda espontânea de forma contínua e racionalizada, como também otimizá-la, dando ênfase na integralidade da assistência, recorrendo as organizações públicas e privadas, sistema de ensino e setores de produção, possibilitando assim que o estudante crie, desenvolva e aprimore suas capacidades técnico-cultural, científica e de relacionamento humano, a fim de se formar profissionais altamente preparados para o mercado de trabalho.

ESTRUTURA ADMINISTRATIVA 

CORPO ADMINISTRATIVO: 

Edison Tibagy Dias de Carvalho Almeida 
Assessor da Pró-reitoria Estudantil

Isabela Fernandes Damião
Auxiliar Administrativa

Bruno Marcos de Oliveira Foglieni
Secretário